A diferença entre jogar PES e ler García Márquez e Zafón

terça-feira, 12 de abril de 2011

Acabei agora de ver a entrevista a Pablo Aimar. Algo que, seguramente, daqui a uns dias repetirei com prazer.

Não vou entrar em pormenores ou citar algo que o Aimar tenha dito, porque a entrevista vale mesmo pelo seu todo. No seu discurso nota-se uma humildade tremenda e uma noção bem clara da realidade. Além disso, Aimar tem uma clarividência e uma eloquência totalmente distintas do que é habitual ver-se num jogador de futebol, o que em parte se explica com o facto de ser um amante da leitura e não passar o tempo a jogar Playstation, como a maior parte dos seus colegas de profissão, que depois abrem a boca e sai um rol infindável de banalidades e frases feitas. Obviamente ressalvando as respectivas e inevitáveis diferenças, ouvi-lo falar é um deleite igual a vê-lo jogar.

Gostava imenso que acabasse a carreira no Benfica e que depois disso permanecesse dentro da estrutura do futebol com outras funções; Aimar seria uma mais-valia fantástica para o Benfica. Mas compreendo perfeitamente se decidir pendurar as botas no seu clube de menino e ficar por lá. Um homem deste calibre pode fazer o que quiser, só temos mesmo que respeitar.


Para quem não viu:












9 comentários:

PiareM disse...

Aimar soube desde o início da sua carreira separar um grande de homem de um grande jogador. Encontrou em Enzo Francescoli ambas estas qualidades e hoje, Pablo César Aimar é já um grande exemplo dentro e fora do campo. Otro pibe imortal.

Pedro S. disse...

Subscrevo totalmente. Obrigado pelo excelente post, Éter.

Jack disse...

Um dos meus poucos idolos. Como já tinha dito ontem (aqui inclusive), admiro o Pablito não só pelas extraordinárias skills para jogar à bola, mas também pela humildade, simpatia, cultura e capacidade para distinguir aquilo que é melhor para ele.

É sem dúvida um dos melhores jogadores que já vi envergar o Manto Sagrado e é um orgulho para qualquer -Português- ver um jogador tão completo e deste calibre a jogar em Portugal.

Um ídolo. Aimar.

Anónimo disse...

ÍDOLO!!!

Viriato de Viseu disse...

Obrigado ETER pelo teu excelente trabalho.
Estou a ver e ouvir agora o Pablito, graças a ti.

OBRIGADO AIMAR POR TERES VINDO PARA O MEU CLUBE !!!!!!!!!

Mentiroso disse...

Off-topic:


Felipe Menezes e Roderick Miranda na lista de convocados para a deslocação a Eindhoven soa a prémio pela fantástica exibição de ambos no passado Domingo.

pge disse...

Acabei agora de ver. Uma maravilha.
Só aquele "...hay pasado..." é que...
Mas é como dizes, respeito, muito respeito.

DMC disse...

Muito bonito. Fico muito feliz ao ver a entrevista deste homem, quase miudo que vive o futebol por realmente gostar do que faz. Aquele brilho nos olhos diz tudo. É um prazer poder vê-lo e acima de tudo senti-lo no nosso clube.
Gostaria imenso que ficasse sem mais sair, acho que tem tanto para ensinar, mas antes disso, tem mais 3 anos de futebol para dar, muitos colegas para entrumar e espero que fique durante muito bempo.
Um obrigado ao Rui, porque é dele a honra deste jogador.
Cumps
DMC

ps. Um obrigado ao ÉTER por ter deixado os videos.

Manuela disse...

Boas,

Começo por agradecer ao Éter este autêntico Serviço Público. Acabei de ver a entrevista e ainda estou arrepiada. Conheço Aimar há muitos anos e ainda me emociono, quase me belisco quando o vejo em campo, com a nossa camisola. É uma honra e um privilégio termos no nosso plantel um Homem tão bem formado, culto, franco e sensível como ele.
Bem haja a quem o trouxe.
Saudações Benfiquistas
Manuela

Related Posts with Thumbnails
 
Céu Encarnado - by Templates para novo blogger
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.