A chapada de Eduardo

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Porque também é bom reconhecer quando erramos, quero aproveitar para dizer que me enganei redondamente na minha apreciação ao Eduardo. Julguei que ia ser um fiasco total neste Mundial, que não ia transmitir confiança nenhuma à equipa e que Portugal seria humilhado por culpa dele.

Acontece que o Eduardo me deu um valente e merecido chapadão na tromba, para eu não me armar em esperto. Foi, a par do Fábio Coentrão, o melhor jogador português deste Mundial e um dos melhores guarda-redes da prova. E se Portugal não perdeu com o Brasil e não sofreu ontem uma humilhação histórica frente à Espanha, a ele o deve.

7 comentários:

EK disse...

Eduardo fez um grande Mundial. Descobri nele qualidades que desconhecia.

JNF disse...

É verdade, agora olho para trás e entre dar 4M por ele e 8,5 pelo outro... Jasus!

Manuel Oliveira disse...

Subscrevo! A forma apaixonada e a categoria com que defendeu a camisola, deu uma bofetada até em muitos colegas.
Ele e Coentrão foram os maiores a léguas.

Jotas disse...

Nem mais meu caro e a ressalva está feita na Catedral.

Jotas disse...

Nem mais meu caro e a ressalva está feita na Catedral.

João Soares disse...

A mim também me fez engolir uns valentes sapos...Grande mundial que o Eduardo fez!!!!!!!

Jota disse...

Eu tambem fui um dos "especialistas" que não dava nada pelo Eduardo.
O Coentrão que me perdoe, mas o Eduardo foi mesmo o melhor da selecção. Se havia jogador que merecia tar nos Quartos, era ele. Muito bem mesmo.

Related Posts with Thumbnails
 
Céu Encarnado - by Templates para novo blogger
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.