Para pensar...

domingo, 8 de agosto de 2010

O jogo de ontem obriga a estrutura do Benfica a pensar em diversos aspectos. Desde logo, o guarda-redes Roberto. Não comprometeu ontem, mas nota-se a sua intranquilidade, que alastra a toda a defesa. Isto é visível. E, pior, os jogadores da defesa denotam já alguma insatisfação, bastando para isso ver um lance em que Roberto falhou a intercepção e que ia dando golo. Nem um companheiro se chegou a ele para o apoiar.

De quem é a culpa? De todos! De quem o comprou por 8,5M, de quem o assobiou ao primeiro erro e de quem insistiu em assobiá-lo no jogo de apresentação, do treinador que não o resguarda por uns tempos, de quem o observou e concluiu ser o tal guarda-redes que vale pontos, etc. Não vejo solução para este problema.

Em segundo lugar, é preciso pensar bem na opção Airton ou Javi Garcia. O Airton é claramente mais exuberante e vistoso a jogar, indo mais à luta pela bola. Javi Garcia é menos visível, mas no final dos jogos do ano passado muitas vezes comentámos que a equipa adversária não passou por ele. Javi tem claramente um posicionamento melhor do que Airton. E no segundo golo de ontem viu-se isso. Airton deixou-se antecipar.

Em terceiro lugar, Coentrão não pode ser Dí Maria. Coentrão afirmou-se como um grande lateral e é como tal que deve permanecer. E Peixoto não dá conta do recado contra equipas mais fortes. Não entendo que não tenhamos opções... Ninguém no Benfica se lembra de Urreta??!!

A saída de Ramires devia igualmente ter sido colmatada com antecedência. Ninguém acreditava que o brasileiro ia continuar pela Luz. Como tal, a sua substituição deveria ter sido assegurada. Com o aproximar do fim do período de transferências será mais difícil conseguir um substituto à altura. E Martins não é solução.

Por fim, a equipa tem de ser preparada para enfrentar jogos como o de ontem de forma mais serena. O David Luiz estava irreconhecível e podia perfeitamente ter vindo para a rua. Equipas como a do Porto vivem para nos ganhar e a garra com que entram em campo obrigam-nos a jogar com mais cabeça. Este é um aspecto a pensar...

Perante estas premissas, os dirigentes e equipa técnica do Benfica devem reflectir e tentar encontrar soluções, percebendo que a época passada criou grandes expectativas e aumentou a exigência.

10 comentários:

Daniel disse...

Excelente post! 100% de acordo!!

-=amadorjp=- disse...

Concordo na maioria do que dizes. Penso que seria prudente criar uma lesão de relatório apenas para afastar Roberto por uns jogos. Quanto a Coentrão, nada mais certo. Coentrão é um lateral como há poucos no futebol mundial. É aí que tem de jogar, embora possa subir se for necessário e em casos especiais. Peixoto é uma solução, mas só nalguns jogos. Precisamos claramente de um lateral esquerdo e se possível ser esse o extremo.
Airton e Javi são semelhantes, mas não iguais. Javi defende melhor, Airton ataca melhor. Essa é a principal diferença. Ora sem Ramires para compensar, deveria jogar Javi que defende e compensa melhor.
Di Maria já se foi, mas penso que não será por aí a lacuna do Benfica. Agora sem Di Maria e Ramires é complicado, principalmente pelo Ramires que equilibrava a equipa e que recuperava muito jogo. Pelo que vi Wesley é o mais semelhante pois é um médio defensivo que sobe muito bem, se bem que eu trocaria o Gaitan para a direita onde jogou muito no Boca e arranjaria um extremo esquerdo.

Quanto á cabeça... concordo plenamente. Temos de ser imunes aos despiques e às picardias, pois só nos vai prejudicar.

Mentiroso disse...

Identifico-me totalmente com as reflexões do Scandium. Grande texto.

Pedro disse...

Estou 100% de acordo!!!

JNF disse...

Excelente post, grande análise: é como dizes, temos de agir com tranquilidade, mas temos obrigatoriamente de agir para corrigir os erros.jo

patriarca disse...

Concordo a 100%, mas existem muito boa gente que prefere fazer passar que está tudo bem, onde existem lacunas e na baliza está a maior e inclusivé o JJ está a insistir no que poderá ser um descalabro.
Espero que o treinador que ontem FELICITOU os porcos pela sua vitória contra o clube que treina, NUNCA o tendo feito a favor do Benfica quando era treinador das outras Equipas, veja que algo não está bem e arranje num dos treinos uma mazela "FICTICIA" para o roberto de forma a que o proteja e o Benfica siga em frente, caso contrário as coisas podem complicar-se.

FR1X disse...

Subscrevo totalmente.
E é deprimente ver o Benfica subjugar-se àquela equipa como fez ontem, num estranho ímpeto de inferioridade... Somos muito mais que isso!

Anónimo disse...

Junto-me aos elogios a esta análise. O único ponto em relação ao qual discordo é a questão Peixoto. Sinceramente considerei-o dos jogadores do Benfica mais esclarecido em campo. Não dei por erros importantes (há uma bola que perde à entrada da área mas claramente sofrendo falta pois a entrada do jogador do Porto é por trás). Aliás pergunto-me se, enquanto não temos um verdadeiro substituto para o Ramirez ele não poderia "fazer de" Ramirez, embora na esquerda, colocando-se um jogador mais atacante na direita (Jara ou Gaitan) a "fazer de" Di Maria.
Quanto a Airton vs Javi, penso que ontem se demonstrou que Javi dá nesta altura muito mais garantias, especialmente neste 4-1-3-2.
Francisco

Anónimo disse...

"De quem é a culpa? De todos! ...Não vejo solução para este problema." De facto com estes adeptos. Nao havera solucao. E se desde ja ha uma diferenca enorme entre o Benfica da epoca passada e este e a onda. O ano passado por esta a os adeptos apoiavam. Agora espera que o Roberto falhe, que e para terem razao. Adeptos assim...vao para o Porto.

Scandium disse...

Caro anónimo, ao contrário de muitos, nunca fui ao estádio assobiar o Roberto. Nem o Roberto, nem qualquer outro jogador que vista a camisola do Benfica. Mais, também não alinho nos comentários que por aí se vêem, em que se insulta o Roberto e que se afirma que o jogador não tem qualidade. Vamos lá a ver se não metemos todos no mesmo saco.
Limito-me a constatar um facto visível aos olhos de todos: não há confiança no guarda-redes. E, sim, não vejo solução para o problema que se criou. E sim é um problema. Você tem a solução? Ou você acha que nem sequer há um problema?
Se não sou daqueles que insultam, assobiam e mandam abaixo o Roberto, também me recuso a ser daqueles que não querem ver o evidente. O rapaz pode ter muita qualidade, mas neste momento a baliza é um problema

Related Posts with Thumbnails
 
Céu Encarnado - by Templates para novo blogger
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.