Até Tu?

sexta-feira, 30 de Abril de 2010


Durante os próximos dias não adianta rezar. Este foi ter com o homónimo...

Lesionado à força?

Serei o único a pensar que, agora que o foculporto não tem nada para disputar, a "lesão" do Helton não é mais do que de uma maneira descarada de arranjar uma desculpa para Queiro(ó)z(s) levar o suplente Beto ao Mundial?

Todos ao pavilhão no Domingo!

O Sporting de Espinho, numa abjecta falta de fairplay, recusou antecipar o quarto jogo da final de voleibol para Sábado, como o Benfica tinha pedido. Deste modo, o jogo que poderá consagrar o Benfica como campeão nacional de voleibol vai ter início às 17h de Domingo, precisamente o mesmo dia do escaldante duelo contra o foculporto em futebol, que também poderá dar o título de campeão ao Benfica.

Julgo que toda a gente perceberá qual é a intenção do Espinho em fazer finca-pé e não alterar a data: devem estar à espera de ver o pavilhão quase vazio...

Por isso, lanço aqui o apelo aos benfiquistas que não vão ao dragay: vão ao pavilhão no Domingo apoiar a equipa de voleibol, que eles bem o merecem! O jogo deve acabar por volta das 19h, portanto ainda vão bem a tempo de ir para casa ver o futebol. Vamos encher o pavilhão e mostrar aos imbecis do Espinho que nem com estas jogadas sujas deixamos de apoiar os nossos!

A bilheteira abre às 10h de Domingo e os preços não são nada caros.

Sócio de Quota Modalidades: 1,5 €
Sócio: 3 €
Sócio Criança: 1 €
Sócio Menor: 2 €
Público: 6 €
Público Criança: 3.5 €


VAMOS LÁ ENCHER O PAVILHÃO, PORRA!!!

É a vida...

Poder-se-ia dizer que, ao tirar Vida ao zbordin, o Leverkusen tinha cometido o primeiro homicídio entre clubes da História.

Mas a cruel verdade é que o zbordin já está com os pés para a cova há muito, muito tempo.

Mas por que raio o Torres não foi operado mais cedo?

quinta-feira, 29 de Abril de 2010

Este Atlético não joga um chavelo!

Estávamos agora a festejar a presença na final e depois era só limpar o rabinho ao Fulham...

Esclarecimento

Pelo que li dos comentários ao post anterior, houve gente que percebeu o que eu quis dizer, mas também houve gente que não percebeu (ou não quis perceber).

Portanto, vamos lá esclarecer uma coisa. Eu não sei como é que vocês interpretam a expressão "adepto de sofá", mas isso para mim e para o meu círculo de benfiquistas mais próximo significa aquele adepto rezingão, que se está sempre a queixar de que o Benfica não joga nada e por isso não vai ao estádio. É óbvio que, para mim, "adepto de sofá" não engloba os benfiquistas que moram a 200km de Lisboa, ou até mesmo fora do país, nem os benfiquistas que por razões económicas não podem estar sempre presentes na Luz. Essas pessoas têm tanto direito como eu de ir ao estádio, seja qual for o jogo. Que isto fique bem claro.

Eu sei que há quem não goste que se faça distinções entre benfiquistas, mas para mim o tal "adepto de sofá" que descrevi em cima é um péssimo adepto e não faz falta nenhuma ao clube. E já por várias vezes tive que levar com alguns ao pé de mim no estádio. "A equipa não joga", "não sei o que vim cá fazer", "foi dinheiro mandado à rua", "não ponho cá mais os pés", "só vim porque fiz anos e o bilhete foi de borla" e outras tantas alarvidades que fui ouvindo ao longo dos anos. Isto é o verdadeiro "adepto de sofá" em todo o seu esplendor.
Outro exemplo (do qual falei na caixa de comentários do post anterior): no início desta época, uma pessoa que eu conheço disse que não ia mais ao estádio depois do empate em casa contra o Marítimo e da vitória no último minuto em Guimarães, porque a equipa não jogava nada e ia ser mais do mesmo. Hoje já andava excitadíssimo por ter conseguido bilhetes para o último jogo. E confirmaram-me que desde o Marítimo não foi mesmo a mais nenhum.

Se alguém me conseguir explicar por que é que este "adepto de sofá" tem tanto direito a ir ao estádio como uma pessoa que quase não falha um jogo, agradeço desde já. Têm ali a caixa de comentários para me elucidarem.

O adepto do sofá descobre a Luz

Por um lado, é espectacular que a fila para os bilhetes do jogo contra o Rio Ave já dê a volta ao estádio.

Por outro lado, é triste que na maior parte dos outros jogos, com a equipa em segundo ou em primeiro e a praticar o futebol que todos sabemos, a lotação tenha andado na casa dos 40 mil.

Por que é que tenho a sensação de que vai haver muito boa gente a ir ao estádio pela primeira vez neste ano, só para agitar o cachecol e gritar "campeões", e que vai haver outra tanta boa gente que até costuma ir a vários jogos mas não vai ter lugar neste?

Quem tem Red Pass é que sabe...

Anestesia geral

É a crise. É a loucura na bolsa. São as greves. São os pedófilos. É o foculporto. É o choro do Domingos. É a voz da Júlia Pinheiro. Sãs as camisas do Goucha. É a violência doméstica. São as férias que nunca mais chegam. É a Besta Alves. São as crónicas do Sousa Tavares. É o "subscrevo" do Rui Oliveira e Costa. São os submarinos do Portas. São as verrugas no escroto. São os lucros pornográficos dos bancos. É a música pimba. É o preço da gasolina. São os concursos da RTP. É o novo aeroporto. É o Alberto João. É o 24 Horas. É o encerramento de maternidades e Centros de Saúde. São as filas intermináveis nos serviços públicos. É a água da torneira que sabe mal que se farta. É a paranóia dos vampiros. São as tolerâncias de ponto na visita do Papa. É a equipa do Queiro(ó)z(s). É o herpes anal. É o TGV. São os 1,5 milhões de euros de salário anual do Rui Pedro Soares. É o Armando Vara. É tanta coisa, porra!

Este país está mesmo, mesmo, mesmo, mas mesmo, mesmo, mesmo a pedir:

BENFICA CAMPEÃO!

(que é para ver se esquecemos aquela merda toda durante uns dias)

Bom prenúncio

O Benfica venceu o foculporto em andebol, por 21-20.

Eu não sou dado a grandes superstições, mas...

Está decidido!

quarta-feira, 28 de Abril de 2010

Se o Benfica este ano não for campeão, faço uma vasectomia.

Recuso-me vir a ser responsável pelo nascimento de uma criança num Mundo tão cruel.

Espero que não haja uma terceira

Depois da casa do Benfica de Ermesinde, agora a de Braga. Enfim, não sei que diga...

Realmente só há uma coisa superior ao ódio que meia-dúzia de indigentes mentais têm ao Benfica: o nosso amor pelo clube.

Cautela e caldos de galinha

Recebi algumas informações de amigos que trabalham no Porto, e se dão com todo o tipo de "gente", e que partilho agora com vocês.

As atenções dos animais não vão estar tão viradas para as camionetas, mas sim para os benfiquistas que se deslocarem ao dragay de automóvel, em pequenos grupos. Há instruções no sentido de vandalizar o maior número possível de carros, principalmente em locais que não irão ter grande presença policial. Há inúmeros animais que não irão ao jogo propositadamente para vigiar zonas habituais de estacionamento.
Os benfiquistas que tenham muito cuidado em não deixar objectos alusivos ao Benfica colocados à vista nos automóveis e que tenham especial atenção aos locais onde estacionam. Por exemplo, não saiam do carro com a camisola do Benfica vestida; pode estar alguém à espreita e depois, enquanto o jogo decorre, calmamente vos dá cabo do carro.

O facto de a PSP de Lisboa ir estar presente em grande número não é inocente. Há anos e anos que os super dragays têm acesso a informação privilegiada, se é que me faço entender...

Os bravos que se deslocarem ao covil no próximo Domingo que tenham cuidado. E que regressem ilesos a casa. É só o que peço. Para mim, e face ao que tenho ouvido, neste momento o resultado do jogo é o menos importante.


P.S. Não pensem que escrevi este post de forma leviana nem para meter medo. Quero apenas que tenham em consideração o que aqui foi escrito e que não se ponham a jeito no Porto.

Tirem senha

terça-feira, 27 de Abril de 2010

Bem, não sabia que podíamos reservar quem nos apetecesse, mas depois do anterior post resolvi fazer uns telefonemas - sim, eu tenho alguns conhecimentos - e o senhor que se segue aceitou de imediato.


A vantagem é que, como eu devo ser a única rapariga a dar-se ao trabalho de ler este blog, a fila deve ser muito menor. De qualquer modo, as possíveis interessadas ficam avisadas de que têm que tirar senha.

Façam fila

Ainda imbuído do espírito do "reservado", hoje lembrei-me de reservar mais uma coisa para a festa benfiquista.


Mas aviso já que isto não vai ser como no Marquês, onde é tudo ao monte e fé em Deus. Vamos lá manter a calma, se faz favor. Façam uma fila civilizada e ordeira atrás de mim.


P.S. Eu sei que o endereço do blog ali no canto da fotografia é um bocado foleiro, mas mais foleiro ainda é fazer copy/paste e não mencionar aonde se vão buscar as coisas.

Festa rija em Coimbra

Estava mesmo a prever isto... A filial corrupta de Coimbra, depois de ter enchido os bolsos à custa dos benfiquistas, vai abrir as portas no último jogo da época em casa. Tudo vai poder entrar sem pagar: sócios, adeptos, estudantes bêbados, uma vara de porcos, um bando de pardais, etc. Que grande festarola vai ser! Será que conseguirão chegar aos 2 mil espectadores?

Este futebolzinho português é tão, mas tão ridiculamente previsível...

Equilibrar as forças

Já não posso ouvir falar do Falcao. Eh pá, alguém despenalize o homem. Ou então infrinjam por favor os regulamentos e deixem-no jogar. Já fizeram isso com o Hulk e correu bem.

E peçam a Jesus (não o do Benfica) para descer a Terra e curar as patinhas do Varela e do Micael.

Arranjem maneira de o Lucho e o Lisandro darem um saltinho cá este fim-de-semana para poderem jogar também no Domingo. E por que não Ricardo Carvalho, Pepe, Anderson, Quaresma e Deco? Tragam todos.

O criminoso pode voltar a fazer uso dos seus poderes místicos e pedir ao Pedroto para vir treinar a equipa neste dias. Apesar de o defunto não ter gostado muito daquela coisa da promessa, como o jogo é contra o Benfica seguramente não quererá faltar.

Para árbitro podem pôr o Guilherme Aguiar, auxiliado nas laterais pelo Andor Moreira e pelo decrépito Pôncio. Este último sentado numa cadeira de rodas, claro, que a idade não perdoa.

Na transmissão televisiva e respectivos comentários não é preciso mexer, a OliveirinhaTv tem cumprido bem essa função.

Quanto à crónica do jogo, pode ser escrita pelo Sousa Tavares ou então copiada de alguém. Para ele, no fundo, é a mesma coisa.

Julgo que com isto tudo o jogo já deve ser mais equilibrado, não? A sério, já não consigo mesmo ouvir as carpideiras e hoje ainda é só terça-feira...

Resultado da Sondagem nº 14

Desta vez a pergunta era "Como preferem festejar o título?"

Eis as respostas:

- festejar em pleno dragay, invadir as ruas de encarnado e ir esperar os jogadores na Luz, como em 2005 45%

- levantar as nalgas do sofá no próximo Domingo e invadir as ruas de encarnado 31%

- andar nu pelas ruas 18%

- festejar no último jogo do campeonato, na Luz, e depois invadir as ruas de encarnado 6%


É óbvio que a segunda hipótese mais votada entretanto deixou de fazer sentido. Restam-nos outras duas, já que andar nu pelas ruas é uma espécie de bónus apenas ao alcance dos mais ousados...

E mesmo assim parece-me pouco

segunda-feira, 26 de Abril de 2010

Já vi o "Reservado" no Marquês, nos Aliados, em Beja, no dragay e até uma montagem com o mapa de Portugal.

Pus mãos à obra e resolvi fazer a minha própria montagem...


Pronto, assim está melhor...

O Mundo é nosso, porra!

Não, não me vou deitar cedo

Se pensam que é por o jogo do próximo Domingo acabar por volta das dez da noite que vão impedir que milhões de benfiquistas invadam as ruas deste país até às tantas da madrugada, estão bem enganados.

E se por algum motivo o Benfica perder no dragay e no Domingo seguinte marcarem o jogo contra o Rio Ave para as 23h, também continuam muito enganados.

Em qualquer dos casos, antes das 5h da madrugada não me deito. Nem que vá de directa para o emprego.


P.S. Por mim acabava-se com a Federação e com a Liga e punha-se a OliveirinhaTv a controlar tudo. O resultado final era o mesmo e sempre se poupava dinheiro ao país.

Reforma antecipada



Como puderam constatar neste simpático vídeo, Tonel e Rui Patrício são os primeiros dois jogadores do zbordin que decidem pendurar as botas este ano. A época foi horrível e os dois rapazes chegaram à conclusão de que não têm o menor jeito para jogar futebol. Claro que serem treinados por Carvalhal, manietados por Costinha e presididos por Bettencourt também não ajuda...

Os ex-jogadores inscreveram-se num lar de idosos e dedicam os seus tempos livres à prática de um dominó muito especial, com as caras deles próprios e dos antigos companheiros, que os ajuda a recordar feitos passados e dessa forma combate também o Alzheimer.

- Ó Rui, e daquela vez que levaste um frango de meio-campo?

- Uiii, nem me digas nada... Espera lá, qual delas?

- Pois, realmente...

- Mas deixa estar que tu nos dois jogos contra o Bayern também abriste o livro...

- Eheheh. Pois foi... Bons tempos!

- É mesmo. Que saudades...

Resumo da final e declarações dos campeões




Parabéns, André!


Muitos olharam (e alguns continuam a olhar) com desconfiança quando André Lima foi apresentado como treinador do Benfica. Não tinha experiência, os jogadores não o iam respeitar, jogar é uma coisa mas treinar é outra, etc.
No final da época passada voltaram as críticas. O Benfica jogava mal, tinha sido campeão com sorte, o treinador era fraquinho e não demonstrava grande jeito para a coisa.

O André soube suportar todas essas críticas, a maioria delas internas, e, aos poucos, foi impondo o seu trabalho. O resultado está aí: em dois anos ganhou tudo o que havia para ganhar e ontem inscreveu o seu nome na História do Sport Lisboa e Benfica.
As lágrimas no final do jogo mostram bem o que ele passou para chegar ali.

Mas ainda assim deve haver por aí muito boa gente que não dá o braço a torcer em relação à competência do André. O povo português é, de facto, tremendamente peculiar.

Majestoso

domingo, 25 de Abril de 2010

O Interviú era considerado o grande favorito à vitória nesta competição, dado que a maioria dos entendidos lhe atribui o título de melhor equipa do Mundo. Pois bem, o Interviú hoje perdeu o direito a esse belo epíteto. Agora a melhor equipa do Mundo chama-se Sport Lisboa e Benfica, já que em muitas fases do jogo chegou a ridicularizar os brasileir... perdão, os espanhóis. Foi um jogo soberbo, o resultado peca por escasso e nem sequer deveria ter havido prolongamento, tal a superioridade dos nossos jogadores.

A eles, um muito obrigado por tudo!

Ao André, as tuas lágrimas são as nossas!

Somos Campeões!


P.S. Ao (ra)Betão, que deve ser familiar do Brandão do Marselha, que se dedique a uma arte marcial. Tem muitas potencialidades nessa área.

P.S.2 Aos árbitros, que tudo permitiram aos brasileir... perdão, espanhóis, vão pr'o caralho!

Daqui a uma semana falamos

Correu mal no barraco do Espinho. No próximo fim-de-semana temos que encher o pavilhão da Luz para apoiar os nossos jogadores. É fundamental o pavilhão estar à pinha!

No final do jogo, quando confrontado com a questão da troca de pavilhões, o nosso treinador respondeu:

Por que é que no ano passado jogaram toda a fase final lá? Por que é que este ano o primeiro jogo foi lá e agora é aqui? Se calhar não estavam à espera de estar a perder 2-0. Parece que obrigámos o "grande" Espinho a este tipo de jogadas...

Brilhante, professor Jardim!


P.S. E agora vamos ao futsal!

Falta pouco

(foto retirada daqui)


Se a equipa (e especialmente este gajo) hoje estiver ao seu nível, o título não escapa.

Ele é que não é parvo

Já há muito tempo que acho o Falcao o melhor jogador do foculporto. Hoje cheguei à conclusão de que é também o mais inteligente.

A maneira como ele se escapa de fazer de bombo da festa é de mestre.


P.S. Tem calma, Quimbé. Não estava a falar de ti.

BENFICA 5 - 0 Olhanense

sábado, 24 de Abril de 2010

Mais um passeio de classe. Muitos anti-benfiquistas dirão que nos facilitaram a vida com o penalti aos 3 minutos e a expulsão aos 8 minutos. Pois, meus caros, mas as regras são para cumprir, seja aos 10 segundos, seja aos 90 minutos de jogo. E quem tem cartão amarelo não pode entrar daquela maneira. Até o Jorge Costa abanou a cabeça ao seu jogador. De resto, como eu dizia, foi um passeio de classe da melhor equipa a jogar futebol em Portugal.

Quim - foi praticamente mais um espectador. Poderá ter sido, inclusivamente, confundido com um steward. Pelo meio lá fez uma defesa a remate do portista Castro.

David Luiz - jogo calmo, sem grandes subidas. Defensivamente, nada passou por ele.

Luisão - grande jogo do nosso central. Viu um amarelo desnecessário. Meter o cotovelo ao nível do pescoço do adversário é sempre um convite ao amarelo, principalmente quando o árbitro é o Luci.

Ruben Amorim - mais um bom jogo. Defendeu bem e envolveu-se várias vezes no ataque. Saiu para entrar Maxi Pereira.

Fábio Coentrão - anda a jogar tanto que até um certo idiota se vem agora arrogar mentor da sua adaptação a defesa esquerdo. Grande jogo, a apoiar imenso o ataque. Podia ter marcado o primeiro golo na Liga.

Javi García - bem, se o jogo do Olhão não passou muitas vezes do meio-campo foi por culpa deste senhor. Podia ter marcado um golaço, mas a bola preferiu sair por cima do ferro.

Ramires - bom jogo. Também ele esteve perto de marcar um grande golo. Cortou muitos ataques do adversário. Não foi grande protagonista a atacar porque o Di María foi arrebatador e os colegas insistiram imenso no jogo pelo lado do argentino.

Aimar - 80 minutos de classe. Pautou o jogo, ofereceu o golo a Di María num passe a rasgar a defesa adversária e ainda marcou um golo. Esteve com a corda toda.

Di María - FABULOSO. Um dos melhores jogos desde que chegou ao Benfica. E talvez um dos últimos. Está a acabar a época em grande, com magia para todos os gostos. Marcou o segundo golo e ofereceu dois de bandeja ao Cardozo, um deles com assistência de letra. Ainda assistiu na perfeição o paraguaio em mais umas oportunidades, mas este desperdiçou.

Weldon - quem diria que este jogador ia ser tão influente nesta época? Mais uma vez abre a porta aos golos. Desta feita, numa jogada pelo lado esquerdo, centrou e a bola foi à mão do olhanense. Penalti para Cardozo converter. Teve ele próprio algumas oportunidades para facturar, mas falhou.

Cardozo - o paraguaio anda muito perdulário. Depois de marcar o golo de penalti, falhou uma série de oportunidades. Entretanto, algo se passou, e duas oportunidades seguidas que teve acabaram em golo. Curiosamente ou não, tinha acabado de receber uma SMS do caro amigo Éter irritado com os falhanços dele (uma vez mais resultou Éter).

Maxi Pereira - entrou com a corda toda, bem ao seu estilo.

Saviola - entrou para o lugar de Weldon. Notou-se que esteve algum tempo sem jogar.

Nuno Gomes - entrou para o lugar de Aimar. Não teve tempo para criar nenhuma oportunidade de golo, mas é sempre bom vê-lo a entrar em jogo.

Conduto e Tadeia - mais um jogo ao seu nível. Com 15 minutos de jogo e 4 entradas duras de jogadores do Olhanense, já o primeiro dizia que estava a ser um jogo duro de parte a parte. Quanto ao outro, nota-se que faz os jogos do Benfica contrariado e qualquer coisa serve para mandar a bicada. No lance do golo do Aimar, em que Castro, em vez de aliviar a bola, preferiu rematar contra o argentino, a bola bate no braço deste, à queima-roupa. Tadeia prontificou-se a dizer "pfff... é mão". Conduto foi atrás e corroborou. Conseguem ser mais irritantes do que os da Sporttv em alguns jogos. Se um fala demais, com pormenores e historietas que não interessam para nada, o outro só entra em acção para criticar. Conheço uns bons comprimidos para a azia...

Telegráfico

Bem, vou ver os nossos rapazes.

Quando voltar vamos estar a nove da filial e a um do título.

Até logo.

Carreeeeega, Benfica!

Na final

Ontem os italianos foram arrumados sem grandes complicações, mas amanhã o Benfica vai defrontar uma equipa que joga noutra galáxia. Será um bocado como se a equipa de basquetebol jogasse contra uma equipa da NBA.

No entanto, se o Benfica jogar com o empenho e a classe de ontem, e com a indispensável pontinha de sorte, esta taça tem sérias hipóteses de ficar em Portugal.

One-time shot

sexta-feira, 23 de Abril de 2010

Ontem perdi uma grande oportunidade de satisfazer milhões de benfiquistas. A todos eles as minhas sinceras desculpas. Espero que me consigam perdoar.

A minha curta hora de almoço é passada maioritariamente ao volante do meu carro. Ontem, quando regressava ao meu local de trabalho, parei num semáforo e reparei num homem que, apesar de ter a passadeira ali mesmo em frente, resolveu atravessar a estrada por entre os carros. Vi-o aproximar-se, olhar-me e pensei de onde é que eu conheço esta cara?

Quando me apercebi de quem se tratava, ainda carreguei no acelerador mas o carro traiu-me e o patife escapou impune à minha tentativa de atropelamento. O Sousa Tavares sobreviveu a mais este dia.

O inventor

Depois de ter revelado que foi ele quem descobriu que Fábio Coentrão daria um excelente lateral esquerdo, Queiro(ó)z(s) assume-se em definitivo como o maior inventor da Humanidade. Aqui fica um manancial de outras boas ideias saídas da mente genial do bom professor, mas que injustamente ninguém lhe atribui:

Fogo: há cerca de 800 mil anos atrás, enquanto se masturba a olhar para dois mamutes a copularem, Queiro(ó)z(s) ganha consciência do que é a fricção e daí à descoberta de como se faz fogo é um ápice.

Escrita: 3500 a.C., margens do Eufrates. Queiro(ó)z(s) discute acaloradamente com um grupo de indivíduos. O professor acha que as mulheres devem caçar, as crianças liderar a tribo e os homens ficar em casa a fabricar roupas. A tribo, farta de tanta parvoíce, ameaça que o expulsa da aldeia se ele não pára de falar. O professor acede mas rapidamente sente vontade de se exprimir, já que ninguém lhe tira da cabeça que as mulheres é que devem caçar e as crianças liderar. Furioso por não poder falar, pega numa tabuinha de barro e rabisca umas coisas. Queiro(ó)z(s) acabava assim de inventar a escrita e de levar com a tabuinha nos cornos.

Futebol: 2500 a.C., península do Iucatão. Queiro(ó)z(s) descobre que a sua mulher anda a ser comida por um jovem guerreiro maia. Faz queixa e o jovem é decapitado mesmo à sua frente, tendo a cabeça rebolado até aos seus pés. Enojado, Queiro(ó)z(s) dá-lhe um pontapé para a afastar de si. Os maias acham piada e riem-se. Nascia o futebol.

Suicídio colectivo: o súbito desaparecimento da civilização Maia ainda hoje é um mistério. A verdade é que este povo foi sujeito a séculos da oratória de Queiro(ó)z(s).

Penso Higiénico: 100 a.C., Roma Antiga. Fã dos banhos públicos, Queiro(ó)z(s) não dispensa uma boa sodomia. Como infelizmente aquilo faz sangrar, Queiro(ó)z(s) coloca um pedaço de pano a cobrir o ânus. Uma mulher repara naquilo e nasce assim o penso higiénico.

Caravela: em pleno século XV, farto de Portugal, Queiro(ó)z(s) convence-se de que os portugueses não prestam para nada e decide inventar um meio que lhe permita partir em busca de outros povos, que melhor o compreendam. Muitos pensam que o grande impulsionador dos Descobrimentos foi o Infante D. Henrique, mas na verdade foi mesmo Queiro(ó)z(s).

“Vai pr’o caralho!”: nas várias viagens de caravela que fazia, Queiro(ó)z(s) nunca parava de massacrar os marinheiros que o acompanhavam, dando palpites sobre tudo. Desesperados, os marinheiros amarraram-no e colocaram-no num cesto no mastro do navio. As viagens tornaram-se assim mais sossegadas, pois ainda por cima quem se portava mal já sabia que ia pr’o caralho. Ou seja, ia fazer companhia a Queiro(ó)z(s) e escutar as suas intermináveis dissertações.

Movimento de translação da Terra: século XVI, Copérnico fabrica o maior embuste da História. Felizmente, hoje sabemos a verdade. A Terra gira em torno de Queiro(ó)z(s). E o Sol também. E Copérnico idem.

Telescópio: no início do século XVII, descontente com portugueses, brasileiros e todos os povos em geral, Queiro(ó)z(s) decide desenvolver um objecto que lhe permita procurar quem compreenda as suas teorias fora da Terra. Assim nasceu o telescópio.

Lei da Gravidade: ainda no século XVII, Queiro(ó)z(s) sobe a uma árvore para tentar acasalar com um pardal. Um galho parte-se e ele cai. Queiro(ó)z(s) aleija-se com alguma gravidade. O professor repete este processo dezenas de vezes e constata que sempre que cai da árvore se aleija com alguma gravidade. Estava assim descoberta a Lei da Alguma Gravidade, que depois se transforma em Lei da Gravidade para poupar palavras. A história do Newton e da maçã é treta.

Electricidade: um século mais tarde, após incomodar umas pessoas com a teoria de que a Terra gira à sua volta, Queiro(ó)z(s) é amarrado a uma árvore numa noite de trovoada. À custa de muito sofrimento, descobria a electricidade.

Telégrafo: em meados do século XIX, a população mundial já não tem paciência para as teorias de Queiro(ó)z(s) e obriga-o a comunicar simplesmente por intermédio de pontos e traços. Nascia o telégrafo.

Teoria da Evolução das Espécies: uns anos mais tarde Darwin vem com esta conversa. No entanto, Queiro(ó)z(s) é a prova viva de que por vezes as espécies regridem.

Avião: no início do século XX, graças ao seu poderoso intelecto, Queiro(ó)z(s) antevê que em 2010 vai andar à porrada com um comentador desportivo num aeroporto. Para isso acontecer só tem que inventar o avião.

Teoria da Relatividade: passados alguns anos, Queiro(ó)z(s) constata, estupefacto, que Einstein publica a Teoria da Relatividade, tendo como base a premissa de que o tempo não é uma grandeza absoluta, mas sim relativa. Indignado, Queiro(ó)z(s) vai ter com o génio alemão e diz-lhe que isso de o tempo ser relativo já ele sabe há muito tempo. Einstein pede para Queiro(ó)z(s) ser mais explícito, ao que este responde: Oiça lá, há dias em que parece mesmo que vai chover mas depois isso não acontece, não é? Lá está, o tempo é relativo. Einstein tenta cortar os pulsos mas Queiro(ó)z(s) revela-lhe que foi ele quem inventou o suicídio.

Antibióticos: após tantos anos de progresso, mesmo assim o ser humano continua a morrer devido a complicações básicas. Com medo de não ter quem oiça as suas teorias iluminadas, Queiro(ó)z(s) desenvolve os antibióticos e aumenta a esperança média de vida da espécie humana.

Bomba atómica: a verdadeira e triste história é que Queiro(ó)z(s) estava no Japão à procura de um clube para treinar. A 6 de Agosto de 1945 desloca-se a Hiroshima mas respondem-lhe que ele não percebe peva de futebol. Três dias mais tarde dizem-lhe o mesmo em Nagasaki.

Clonagem: no final dos anos 80 Queiro(ó)z(s) desenvolve uma espécie muito peculiar, bons jogadores de futebol com cabelo de mulher.

Perder campeonatos: em 1994 Queiro(ó)z(s) tem o seu momento de maior inspiração, com uma fórmula que perdura até aos dias de hoje. Sporting-Paulo Torres+Pacheco=3-6.

Ei-los de regresso

Desta vez em pleno Porto. In your face!

Isto só mesmo em Morse


-- .- ... / --.- ..- . / -- . .-. -.. .- / . / . ... - .- / -.-. .- .-. .- .-.. .... --- ..--..

Eu também!

Prefiro ser campeão já no Domingo, diz o Weldon.

O engraçado é que indirectamente ele votou na sondagem aqui ao lado. E cheira-me que o resto do plantel também pensa assim...

Vai ser espinhoso

quinta-feira, 22 de Abril de 2010

Agora, a 4 dias da realização do 3.º jogo (domingo, às 15 horas), surge um novo caso, que vem aquecer ainda mais esta final do Nacional da Divisão A1. Os tigres decidiram trocar o local do jogo, que estava inicialmente agendado para a Nave Desportiva de Espinho, e vai agora realizar-se no pavilhão do clube, mudança que originou duras críticas do presidente da secção do Benfica, Rui Mourinha.

"O recinto não tem condições para receber um jogo desta envergadura, uma final da Divisão A1. Está impróprio para a prática desportiva, ainda mais para uma final do Campeonato Nacional. Está degradado, não tendo controlo de entradas", disse Rui Mourinha ao site oficial do clube lisboeta.

O presidente da secção do Benfica foi mesmo mais longe, ao acrescentar que "o Sp. Espinho - como não consegue ganhar num campo em condições - arranja estas estratégias. Se acontecer alguma coisa, quero ver quem é que será o responsável", questiona o dirigente do clube da Luz.

in Record.


Aqui há uns bons anos atrás fui a Espinho ver um jogo com uns amigos. O pavilhão era absolutamente decrépito e fez-me alguma confusão como é que uma equipa daquele nível jogava ali. Quando o jogo começou, finalmente percebi. O clima de intimidação criado fazia as histórias que se contavam do túnel das Antas parecerem saídas de um livro de contos infantis. Só para terem uma noção, a equipa adversária chegou mesmo a ter que entrar no pavilhão no meio dos adeptos do Espinho...

Isto que agora o Espinho quer fazer é claro como água. Como estavam plenamente convencidos de que ganhariam facilmente ao Benfica, o primeiro jogo dos playoffs realizou-se na
Nave Desportiva de Espinho. Agora estão com a corda ao pescoço e vão procurar desenterrar velhas estratégias.

Enfim, siga para bingo. Se não festejarmos lá, festejaremos na nossa casa.

Duplo 23


O nosso "23" faz hoje 23 anos. Eu sei que o aniversariante é quem tem direito a pedir um desejo, mas desta vez eu também vou pedir um:

Puto, vê se fazes o favor de ficar aqui mais uns anitos, ok? Obrigado.

Surfar a onda encarnada


"A procura superou três vezes e meia a oferta e houve mais de seis mil investidores das obrigações da Benfica SAD", disse Miguel Athayde Marques, presidente da Euronext Lisboa.

in Diário Económico.


Há dez anos atrás dificilmente alguém emprestaria sequer um mísero cêntimo ao Sport Lisboa e Benfica. Hoje é o que se vê. O mercado percebeu que a marca Benfica varre tudo à sua passagem e a única opção racional é mesmo subir para a prancha que vai surfando esta gigantesca onda encarnada. Há mais duas opções, claro: passar por baixo da onda, mas ficar para trás; fazer frente à onda, mas ser engolido por ela.
E palpita-me que há por aí duas ou três empresas que estão plenamente convencidas de que a onda só lhes dará pela cintura. Quando apanharem em cheio com ela na tromba e não conseguirem vir à superfície é que eu me vou rir.

Luís Filipe Vieira pode ter muitos defeitos, mas isto que ele e os seus colaboradores fizeram e ainda estão a fazer, mesmo tendo em conta o imenso potencial do Benfica, não é para todos. Tiro-lhes o chapéu por isso.

O velório

quarta-feira, 21 de Abril de 2010

Hoje quando regressava do emprego reparei numa grande fila, perto da BP, que se prolongava para o estádio do zbordin. Sim, eu tenho a infelicidade de ter de passar por aquela obra prima duas vezes ao dia. Mas, como dizia, a fila era algo extensa e fez-me reflectir...

Ora, se hoje os infelizes não têm jogo, que raio será que está a provocar esta fila? Será o rabo do Miguel Veloso que ficou atravessado no meio da estrada?

Até que se fez luz na minha cabecita. Foi o zbordin que faleceu.

Democra...quê?

Tal como se esperava, mais uma vez só há uma lista a concorrer à presidência do foculporto.

A coisa mais parecida com isto é talvez a dinastia comunista da Coreia do Norte, caso único no Mundo. Ainda assim, cheira-me que Kim Jong-Il tinha umas coisinhas a aprender com o flatulento...

Enjoo matinal

Ver logo de manhã uma capa com a tromba do Eduardo e ao lado a palavra "Benfica" é suficiente para me deixar sem apetite até ao final do dia.

Encher o Atlântico



Entramos na semana em que se realiza a maior prova internacional de Futsal, a Final Four da UEFA Futsal CUP, que corresponde em termos “futebolísticos” à actual Liga dos Campeões.

Em jogo vão estar as quatro melhores equipas de Futsal da Europa e aquela que ganhar a prova, vai ganhar o título de campeã europeia de Futsal.

Este ano a prova é organizada pelo nosso Benfica e é em nossa casa, além de já ser histórico na modalidade uma equipa portuguesa marcar presença nesta final, é bem verdade que com a ajuda dos nossos adeptos teremos muitas possibilidades de garantir o título.

Assim sendo, 23 e 25 de Abril, todos ao Pavilhão Atlântico apoiar o Benfica rumo ao titulo de Campeão Europeu de Futsal.

Podem obter aqui toda a informação relativa à prova.

Um abraço,

Luís Neves, Director de Futsal do Sport Lisboa e Benfica.


Este texto foi publicado no Antitripa pelo Vermelhovzky, que solicitou que o mesmo fosse divulgado na blogosfera benfiquista.

Portanto, vamos lá encher o Pavilhão Atlântico e mostrar que os benfiquistas que gostam de futsal são mais do que as teenagers que deliram com o vocalista hermafrodita dos Tokio Hotel.

Escutas fresquinhas

terça-feira, 20 de Abril de 2010



(retirado do Chama Gloriosa)


À medida que vou tomando conhecimento das várias escutas que vão sendo postas cá fora, só consigo imaginar como serão aquelas que ainda não são públicas.

Zero cego

Há centenas e centenas de bandas por esse Mundo fora com nomes parvos, mas de vez em quando lá aparece um nome que faz sentido ou que tem piada.
É o caso dos portugueses Blind Zero. O nome não tem piada nenhuma mas faz todo o sentido. Não percebem porquê? Vejamos...


Eu confesso que há uma coisa nos timings que me incomoda: é que o Benfica festeje o campeonato no dia 25 de Abril.

Atentando à história gloriosa do Benfica nos tempos do antigamente, as vitórias sistemáticas do Benfica rimam muito pouco com liberdade. E tendo em conta que os túneis são sítios de opressão eu não gostaria de ver o Benfica ganhar o campeonato no dia 25 de Abril.

A mim incomoda-me que o Benfica festeje o título no dia 25 de Abril.


Estas imbecilidades saíram da boca de Miguel Guedes, vocalista dos Blind Zero, ontem no programa Grandes Adeptos da Antena 1.
E é por isso que digo que o nome da banda é perfeito. O vocalista é um verdadeiro zero enquanto pessoa e profundamente cego pelo ódio que tem ao Benfica.

Pergunto-me, aliás, o que qualifica este indivíduo para opinar sobre futebol numa rádio pública. Deve ter "detesto o Benfica" em letras bem gordas no seu CV.

Pé de porco


É este o jantar de hoje no centro de estágio, pago pelos contribuintes, de Gaia.

Deus não dorme, nojento!


P.S.
E não me venham com merdas de ter respeito, não desejar o mal dos outros e mais não sei quê. Aqui há uns tempos o Fucile disse que quantos mais jogadores o Benfica tivesse lesionados, melhor.

Amor com amor se paga

No passado Sábado, o jornal A Bola noticiou que o basquetebolista João Santos já tem acordo com o foculporto para a próxima época. Hoje é terça-feira e não ouvi nem li qualquer espécie de desmentido por parte do Benfica nem do próprio jogador.

A ser verdade, o jogador tem que ser afastado da equipa. E não me venham com as tretas do "eles são profissionais", "vai ganhar muito mais", etc. Qualquer atleta do Benfica sabe bem o que o foculporto representa para nós, simples adeptos. Se mesmo assim decide ignorar isso, só mostra que não merece o nosso apoio nem é digno de vestir de encarnado. Desculpem lá, mas eu não consigo estar no pavilhão a aplaudir quem faz uma coisa destas. Não consigo.

Cada um é livre de fazer o que quiser da sua vida, mas está na altura de a direcção do Benfica mostrar que há um preço a pagar para quem toma este tipo de atitudes. Será uma vergonha se o João Santos for mesmo para o foculporto no final da época e se até lá lhe for permitido continuar a saltitar alegremente no pavilhão da Luz.

É claro que se toda esta história for mesmo verdade e os dirigentes deixarem passar isto impune, os adeptos têm todo o direito de mostrar ao João o que pensam dele. Pelo sim pelo não, e até haver novidades sobre isto, vou pôr de parte um maço de notas do Monopólio. Podem vir a dar jeito...

Parabéns, Enorme!


O Beckenbauer português faz hoje 60 anos!

Espera lá, sempre achei essa alcunha um bocado parva... O Beckenbauer é que era o Humberto alemão, porra!

Mais dinheiro dos nossos impostos

segunda-feira, 19 de Abril de 2010

Liguei agora a televisão e dou com a senhora Judite de Sousa a entrevistar, de modo muito derretido, o treinador do Braga, Domingos.

Alguém me explica o que raio é que ele ganhou para ter direito a isto??? Alguém me explica por que raio os nossos impostos foram uma vez mais gastos em bajulamento clubístico daquela senhora? Alguém me explica o que raio interessa a este país a vida do familiar de Domingos que é pasteleiro???

Esta reportagem envergonha-me como português... Aquela senhora foi a Lisboa, Braga e Porto para fazer esta peça. Pelo amor de Deus...

Cheira-me que esta entrevista/reportagem foi cozinhada há umas semanas, quando o pai foi também entrevistado pela mesma "jornalista".

Vivemos num país caótico em vários aspectos e uma televisão pública gasta dinheiro desta forma... Deprimente... Se o objectivo é enaltecer a subida a pulso na vida, o programa poderia preocupar-se em entrevistar pessoas que começaram do zero, que lutaram como cães para chegar onde estão, que lutaram sozinhos, sem ajudas, ao invés de entrevistar alguém que está onde está à custa da subserviência (Leiria, Académica, Braga...).

A seguir vem quem? Hulk? O desgraçadinho que é confundido com um herói verde de banda desenhada, que sofreu agressões impunes de uma manga de túnel e a quem os pais deram o nome de Givanildo?

Sondagem nº 14

Já me sinto campeão há muitas, muitas jornadas. Obviamente não pela lengalenga do "matematicamente possível", mas por saber que em Portugal não há uma única equipa que chegue sequer à unha do dedo mindinho do Benfica em termos de qualidade de jogo. Com a confirmação do título tão perto, como preferiam que isso acontecesse?

Podem votar ali ao lado.

Grandes malucos!

Vi isto no Benfica HD e não posso deixar de colocar aqui.




P.S. A música escolhida foi na mouche! Sabotage dos Beastie Boys.

Só falta um bocadinho assim...

… para sermos campeões. Ontem demos mais um passo importante nesta conquista e a contagem decrescente continua.

Gostei de ver o estádio pintado de vermelho, de ouvir o apoio dos adeptos quando as coisas estremeceram, e de sentir aquela alegria no final mas, como o David afirmou, é necessário “manter a humildade e os pés no chão porque isto ainda não acabou, ainda faltam três finais e quatro pontos”.

O bilhete para o Olhanense já está no meu telemóvel e a vontade de festejar o título é muita apesar de não acreditar que seja já no próximo sábado. Os rapazes de Braga vão esfolar-se até ao fim só para ver se não festejamos o título em casa. Até lá, Carreeegaaa Benfiiicaaaa!



Adenda: Agradeço a chamada de atenção do Manuel Oliveira.
Errei quando escrevi que o Benfica poderia ser campeão já no próximo sábado. Pura desatenção minha que devia ter visto que o Braga só joga domingo. E não sou o Éter :)

E para a próxima época...

Já tenho dois desejos para a próxima época. Um, que é obviamente igual todos os anos, é o Benfica ser campeão; o outro, é que não haja benfiquistas no Municipal de Coimbra (não, Zé Eduardo Simões, o estádio não é da Académica).

Pode ser devido à Académica ter descido de divisão ou por boicote à ignomínia do preço dos bilhetes. É-me indiferente.

Académica 2 - 3 BENFICA

Esperava um jogo um bocado melhor da parte da nossa equipa. Pareceu-me mais um jogo de gestão, na confiança de que os golos acabariam por aparecer. E apareceram... O facto de termos marcado muito cedo também poderá ter contribuído para um adormecimento aborrecido para quem viu o jogo. O estádio estava pintado de vermelho e a festa de cada golo foi especial. Pena foi a arbitragem nojenta do árbitro. Inclinou claramente o campo contra nós. Pareceu várias vezes atarantado, outras tantas a apitar após o protesto dos jogadores da Académica. Enfim, mais do mesmo.

Quim - evitou o primeiro golo da Académica nos primeiros minutos do jogo, com uma defesa excelente. Acabou por sofrer um golo estranho. Estranho porque a equipa parou à espera que o árbitro marcasse falta por mão do jogador da Académica, este rematou, a bola desviou nas costas de Javi e Quim não conseguiu pará-la. No segundo golo, parece-me que não viu a bola partir.

Sidnei - foi cortando os lances em que foi obrigado a intervir. Compreensivelmente, não tem a presença de Luisão e não tem ainda estatuto para ser a voz de comando da defesa encarnada. Cumpriu...

David Luiz - esteve mal por duas vezes na primeira parte, ao retardar o passe e perder a bola para o adversário. No segundo erro, surge o canto na sequência do qual o Benfica sofre o primeiro golo. Na segunda parte, apareceu diferente. Seguríssimo nas bolas no ar, impecável nas antecipações, excelente nas subidas e a colocar a bola certinha nos pés dos jogadores da frente. No fim do jogo, continuou o espectáculo "David Luiz". Foi junto a todas as bancadas que tinham adeptos do Benfica agradecer a nossa presença. Colocou um cachecol do Benfica aos ombros e ali esteve a saltar juntamente com os adeptos. Não tenho pejo em dizer que é um jogador diferente, claramente imbuído do espírito do Benfica. Temos jogador e temos homem.

Maxi Pereira - grande jogo do nosso lateral. Subiu muito bem e cortou bem os ataques pelo seu lado. Às vezes, parece que não se cansa.

Fábio Coentrão - um jogo de raça. Nota-se alguma dificuldade a defender nos lances de bola parada, mas entende-se. É um jogador baixo. Combinou várias vezes com Di María e cruzou algumas vezes com perigo. Pena não haver quem correspondesse aos cruzamentos.

Javi García - fez um bom jogo. Jogou com muita calma e impôs-se quando foi preciso. Sente-se a sua presença.

Di María - jogo um pouco apagado. Só não foi um jogo negativo para ele porque os segundo e terceiro golos nascem de duas jogadas individuais suas, excelentes diga-se.

Ruben Amorim - gostei muito da sua exibição. Marcou o terceiro golo, num bom remate de primeira, digno de quem tem técnica. É um jogador de uma grande utilidade.

Aimar - nota-se que lhe faz falta o amigo Saviola. Mas fez um jogo esforçado, com muita luta. Está novamente em boa forma física. Saiu para entrar Ramires.

Cardozo - jogo fraco, o que se compreende. Esteve magoado durante a semana. Espero que volte à boa forma física. Deu o lugar a Carlos Martins.

Weldon - excelente jogo, com dois golos. Tem qualquer coisa de especial, pois aparece quando é preciso. Apareceu na primeira jornada contra o Marítimo, há duas jornadas contra a Naval e hoje. Saiu para entrar Kardec.

Carlos Martins - entrou para tentar segurar o meio-campo, mas não se sentiu grande efeito. Teve um grande remate de fora da área, que acabou no poste. Era um golaço.

Kardec - o rapaz tem pinta de jogador. Prendeu bem os defesas da Académica lá na frente. Se for bem trabalhado, parece-me que se faz um bom avançado.

Ramires - esteve pouco tempo em campo. Faz falta, mas também merece descansar.


Meus caros, faltam 4 pontos...

A saga continua

domingo, 18 de Abril de 2010


Weldon: a arma secreta.

Em exibição neste final de época, em estádios perto de si.

Cúmulo da presunção

Fortíssimo em termos de ataque rápido, Weldon deve iniciar a partida no banco de suplentes, tal como sucedeu no embate com o Sporting. Jorge Jesus confiara-lhe o papel de arma secreta na terça-feira, mas o plano abortou porque Record o desvendou no dia do encontro. A escolha recaiu, então, em Éder Luís, que assinou uma exibição bastante discreta.

in Reco-reco.


Eu já tinha percebido que essa rapaziada do Reco-reco percebe pouco de futebol, mas não sabia é que também tinham responsabilidades no planeamento dos jogos do Benfica.
De qualquer forma, nem me parece mal pensado... Eles dão um conselho a Jesus, e este faz precisamente o contrário.

Não passam disto, tristes pessoas

"Quando alguma sportinguista tiver a infelicidade de se casar com um benfiquista, tem o dever de fazer com que o filho continue a ser sportinguista. Este trabalho de sapa nas famílias é fundamental e as mulheres têm um papel decisivo na orientação da vida das crianças" - José Eduardo Bettencourt. (Estas são palavras foram tiradas daqui.)

Nem vou dizer nada... Deixo esta pérola da idiotice à mercê dos vossos comentários.




2-0

sábado, 17 de Abril de 2010

Grande vitória da equipa de voleibol do Benfica que, apesar de ter entrado completamente cataléptica e assim se ter visto a perder por 0-2, soube dar a volta ao jogo e vencer por 3-2. Enorme o trabalho do bloco nos lances finais!

Só falta uma vitória para o título!

Mi liga, vai?

Estou sempre a ouvir este cântico na Luz e já dei por mim várias vezes a cantarolar distraidamente no carro, no metro, etc.

Agora também já está no meu telemóvel e aviso já que vou demorar sempre bastante a atender as chamadas...

O dinheiro ajuda, mas não é tudo

Preferia o Braga mas o campeão será o Benfica, diz o Ronaldo.

E também preferias ter metade da classe do Messi, mas não tens nem nunca terás. Continua a mandar postais.

Forever and ever

sexta-feira, 16 de Abril de 2010

Esta malta do zbordin faz tudo ao contrário e depois admira-se por estar mais perto do último lugar do que do primeiro. Então em vez de proibirem o Costinha de abrir a boca para dizer alarvidades, impedem mas é os jogadores de falarem?

Continuem assim forever and ever, por favor. É só o que peço.

Não querem festa na Luz

Reparei hoje que na 28ª jornada jogamos primeiro do que a filial corrupta de Braga. Quer dizer, andamos o campeonato inteiro a jogar depois deles e agora que o título está próximo de ser decidido, passamos a jogar primeiro? Isto só pode ser para gozar com a nossa cara! Mais valia emitirem um comunicado a anunciar que o Benfica não pode sagrar-se campeão em casa frente aos seus adeptos.

Outra coisinha, não era suposto nas três últimas jornadas os clubes que estão envolvidos em lutas pelo título, competições europeias e permanência jogarem todos à mesma hora?

50 milhões é pouco

O Benfica não aceita negociar David Luiz por uma verba inferior a 30 milhões, tendo sido este o valor definido pela SAD benfiquista como plataforma para início de conversa com os clubes interessados no camisola 23 encarnado.

Entre os dirigentes das águias existe a clara convicção de que será impossível segurar o jogador face à cobiça ditada pelo mercado e também a noção clara que, mesmo com a evolução e qualidade demonstradas pelo jogador, será complicado algum clube bater a cláusula de rescisão fixada nos 50 milhões de euros, o que constituiria um recorde mundial para um jogador naquela posição.

in Record


Não me venham com tretas! Se a cláusula de rescisão do David é de 50 milhões, e havendo vários clubes interessados (sendo um deles pertencente a um árabe que gasta fortunas em jogadores com a mesma frequência com que eu troco de boxers, ou talvez mais...) o Benfica só tem que iniciar as conversações pedindo esses mesmos 50 milhões. Se ninguém se chegar à frente, temos pena. E a conversa de que nunca nenhum central custou isso não me interessa para nada. Também nunca nenhum jogador tinha custado 94 milhões mas agora já há um que custou isso.

E há algo ainda mais importante... Agora anda na moda discutir se Messi vai ser melhor do que o mítico Maradona, não é? É um debate plausível, Messi é ainda muito novo e nem imagino como será quando estiver no auge da sua carreira.
Mas... e o David? Alguém imagina como jogará este menino quando tiver 26, 27 ou 28 anos? O Messi ainda tem Maradona como termo de comparação, mas eu olho para o David, recordo-me de todos os centrais que já vi jogar e não encontro um que se lhe assemelhe. Lembro-me de centrais rapidíssimos, outros com boa técnica, outros com excelente antecipação, outros impiedosos na marcação, outros inteligentes nas dobras, outros brilhantes nos passes longos, outros imperiais no jogo aéreo, outros que subiam com a bola para desequilibrar o adversário, outros que iam lá à frente marcar uns golitos, outros que puxavam pelo público, outros com espírito guerreiro, outros com amor ao clube. Mas não me lembro de um único que reunisse todas estas características.
Um único! Só o David...

Podem chamar-me louco e benfiquista doente e faccioso (o que desde já agradeço), e o
Beckenbauer que me desculpe, mas eu não tenho a mínima dúvida de que o David Luiz vai ser o melhor central de sempre da história do futebol. E, como se diz na gíria, dava o cu e dez tostões para o ver mais uns aninhos de águia ao peito.


P.S. Aquilo de dar o cu era a brincar, ok?

Promoção Big Mak

quinta-feira, 15 de Abril de 2010

2,5 milhões de euros pelo Makukula parece-me muito pouco, se tivermos em consideração a época que ele está a fazer na Turquia. Julgo que se não houvesse nenhuma cláusula, o Benfica conseguiria facilmente vender o jogador a um dos principais clubes turcos (que nadam em dinheiro) por pelo menos quatro milhões de euros, que foi exactamente o que pagou por ele há uns anos atrás.

Não compreendo como é que se colocou uma cláusula de compra tão baixa.

Fita

(foto roubada de maneira vil do Sou de Um Clube Lutador)


Escreve o Reco-reco: Kardec saiu marcado, pitons de Miguel Veloso "tatuados" nas costas obrigam-no a ser enfaixado.

Xiii, que grande mentira! Aquilo foi fita do Kardec! O Miguel é uma jóia de moço, não ia fazer uma coisa dessas... Aquilo deve ter sido mas é uma entrada do Luisão, que só dá porrada e devia ter ido para a rua logo nos primeiros segundos do jogo. Que vergonha! Só ganham assim, a fazer fita... Malandros!

O habitual vómito das terças-feiras #2

Só hoje tive oportunidade de ler o vómito das terças-feiras do Sousa Tavares. O último ponto da sua verborreia é lindo...

No auge do campeonato, Leixões e Belenenses conseguiram ambos roubar preciosos pontos ao FC Porto, arrancando dois empates (o Belenenses no Dragão) pelo método do autocarro e do anti-jogo. Vendo-os jogar então, e confirmando que ali estavam, sem dúvida, as duas piores equipas do campeonato, fiquei a pensar de que lhes teria servido aqueles exercícios de anti-futebol, saudados como triunfantes vitórias. «Se ao menos — pensei para comigo — jogassem assim também e fizessem o mesmo ao Braga e ao Benfica…!». Mas não, não fizeram. Continuaram a jogar mal e nada mais. Agora, vão os dois para a segunda divisão. Confesso que não tenho pena alguma: não por terem roubado pontos ao FC Porto, mas por o terem feito da forma que o fizeram e apenas com o FC Porto.

Ó Sousa, as equipas pequenas jogam SEMPRE fechadas contra o Benfica. A questão é que esta época quase todas elas levaram golos bem cedo e tiveram que se abrir. Contra o foculporto não o fizeram porque o foculporto não joga a ponta de corno e não marca golos. Qual é a parte que não percebes, pá?

Põe umas pomadas duas vezes por dia e faz gelo que isso recupera mais rapidamente.Vá, as melhoras.

Parabéns, "Tchabes"!


Apesar de o derby ter dominado todas atenções, não posso deixar de mencionar a proeza de um clube de uma cidade e região que me dizem muito, e onde tenho bastante família, que luta para não descer na Liga Vitalis e que mesmo assim conseguiu chegar à primeira final da Taça de Portugal da sua história. É um prémio bonito para Trás-os-Montes, uma região cobardemente esquecida pelos sucessivos governos que vão prometendo mundos e fundos em época de eleições mas que depois assobiam para o ar, fazendo com que esta região seja uma das mais atrasadas da Europa na educação, na saúde, nos transportes e em tantas outras coisas. Os transmontanos não merecem o que lhes anda a ser feito há anos e anos. Depois admiram-se da debandada para Espanha...

Ainda me lembro do Chaves "europeu" do final dos anos oitenta e das imensas dificuldades que todas as equipas tinham na deslocação a Trás-os-Montes. O Chaves tinha uma excelente equipa, onde pontificavam, entre outros, Radi, um búlgaro que esteve presente no México 86; Slavkov, outro búlgaro que foi Bota de Ouro umas épocas antes de vir para o Chaves; Garrido, que depois veio para o Benfica; o guarda-redes Padrão, que chegou a jogar no foculporto; Jorge Plácido, que depois jogou no zbordin e no foculporto; Filgueira, que ficou conhecido mais tarde pela carreira no Belenenses.

Enfim, só tenho pena de o outro finalista não ser o Benfica...

Uma nota final para o mau perder de Augusto Inácio que, mesmo perdendo os dois jogos, não soube reconhecer que o adversário foi melhor. Inácio disse mesmo que quem merecia estar na final era a Naval. Palavras para quê?

E, se bem conheço os flavienses, de uma coisa estou certo, o habitual cheiro a sardinha assada nas imediações do Jamor vai ser substituído por outro bem melhor... Presunto. O melhor de Portugal!

Insignificância lagarta

quarta-feira, 14 de Abril de 2010

Pai é Pai

(foto surripiada do Benfica HD)

Não há explicação para o que sinto de cada vez que vejo no estádio uma bandeira gigante com o rosto do Pai do Sport Lisboa e Benfica. Devemos ser um dos poucos clubes no Mundo que se pode orgulhar de algo assim.

Um gajo até fica com uma lagrimita no canto do olho, caramba!

É parvo mas dizem que é verdade

Matematicamente, o foculporto ainda pode ser campeão.

Apesar da derrota de ontem, o zbordin assegurou a permanência na primeira divisão.

O Carvalhal arrisca-se a ser o único treinador do campeonato que esta época não perdeu na Luz.

O Veloso chegou a casa, ligou a Playstation, escolheu o zbordin e como adversário o Benfica, colocou o jogo no nível mais fácil, ao intervalo já estava a levar três na pá, levantou-se para ir ao frigorífico e não regressou à sala. De manhã tentou colocar-se a ele próprio na equipa do Benfica mas o jogou encravou sempre.

Cheira a título

Depois de um ataque de urticária nervosa durante a primeira parte, lá comecei a cumprir os rituais todos, não fosse essa a razão de o Benfica estar a dormir em campo. Porra, então eu não fui ao estádio ver o jogo porque costumo dar azar ao Benfica quando joga contra o zbordin e agora estes palermas esqueceram-se da garra e da concentração no balneário?! Vamos lá a atinar se faz favor… E assim foi, o Benfica entrou diferente na 2ª parte e ensinou à outra equipa como é que se joga à bola. E não venham falar de expulsões. Por favor, não ouviram o Jesus falar na conferência de imprensa? Foi um jogo limpinho!

Depois desta vitória já começa a cheirar a título e ontem numa discussão lá em casa sobre se era melhor chegar ao jogo com o porco sendo já campeões ou sermos campeões lá, chegámos a uma conclusão. O importante é sermos campeões cá para festejarmos em grande, sendo que nessa noite não se dorme!

Mas como não gosto de festejar antes de tempo vou concentrar-me nas palavras de Jesus: Vamos lutar até ao fim, pois sabemos que ainda vamos encontrar muitas dificuldades e teremos muito para sofrer. Pés assentes na terra meninos, porque há sempre alguém à espera de ver o Benfica tropeçar.

Benfica 2-0 zbordin

O Benfica decidiu voltar a entrar em campo e sentar-se calmamente para ver o que o adversário conseguia fazer. O zbordin aproveitou e controlou o jogo a meio-campo, mas sem nunca criar um lance de verdadeiro perigo. Claro que quem dá aquilo que tem, a mais não é obrigado...
Durante o intervalo, os jogadores do Benfica conversaram entre eles:

Eu por mim já chega.

Os gajos não conseguem marcar, não há nada a fazer...


Pois, até a Naval nos marcou uns golitos!

E o Liver...


Pcht, 'ta calado!

Eu bem vos disse que às vezes a classificação engana, estes são muito mais fracos.

Pois, só o equipamento é igual...


E a mim apetece-me mesmo jogar à bola...

Também a mim!

Como é, mister? Podemos começar?

Jesus anuiu e...


Quim: um mero espectador. Ironia das ironias, no seu grande momento da noite, uma defesa a remate de Abel, a bola ia para fora...

Ruben Amorim: muito melhor do que o Maxi dos últimos jogos. Jogada fantástica que originou o primeiro golo do jogo. Na segunda parte mandou Djaló ir ter com a Floribella.

Luisão: passei os últimos dias a ouvir lagartos dizerem que o nosso capitão tinha que jogar, porque o etíope o papava sempre na Luz. Um abraço para eles. No lance em que os lagartos pedem vermelho, nas repetições pode ver-se claramente o etíope a espreitar pelo canto do olho e a dar um passo para a direita, colocando-se assim no caminho de Luisão. Vão gozar com as vossas mãezinhas, ok?!

David Luiz: já estou mais que habituado a ver este menino cumprir na perfeição o seu lugar e a ter que dobrar constantemente as subidas do defesa esquerdo. Mas hoje tivemos uma novidade: o David decidiu ir fazer umas dobras ao Ruben e também ao Javi. Eu sei que toda a gente só vai ter olhos para Aimar, mas para mim o melhor em campo foi mesmo o David. E é um crime não ir ao Mundial, o Dunga devia ser preso e apanhar pena perpétua!

Fábio Coentrão: por falar em Mundial e pena perpétua... Queiro(ó)z(s), hello?! Aumentou o seu número de assistências para golo mas não havia necessidade daquele patético mergulho na área do zbordin, não gosto de intrujices.

Javi García: face a uma equipa composta por uma desajeitada avestruz, oito anões escanzelados e dois gordos balofos, Javi não necessitou de impor o seu físico. Na segunda parte, porque a fome apertava e não tinha muito para fazer, entreteu-se a tentar descobrir se Veloso e Grimi tinham comida escondida nos calções. Pareceu-me ver algures um ovo Kinder, mas não estou seguro...

Ramires: para seu grande azar, Moutinho e Veloso têm uma paixão ardente pelas suas pernas, pés, tornozelos e calcanhares. Como Ramires é um homem casado e com princípios, lá foi aguentando estoicamente as panascas investidas dos dois lagartinhos sem lhes passar cartão. Num dos raros momentos de sossego que teve, fez uma assistência mágica para Aimar. É fácil de compreender por que motivo Moutinho e Veloso adoram aqueles pezinhos de ouro...

Di María: jogo pouco conseguido, mas desta vez o grande culpado foi Jesus. Colocá-lo logo no início frente a frente com Grimi só podia dar asneira, a azelhice é contagiosa...

Carlos Martins: dá-me especial gozo ver os olhos raiados e a espuma no canto da boca do Carlos nestes duelos contra o zbordin. Estou sempre à espera de o ver, qual Tyson, agarrar a cabeça de um lagarto, arrancar-lhe uma orelha com os dentes e cuspi-la na direcção da claque que durante anos tanto o assobiou. Infelizmente isso acaba por nunca acontecer e tenho que me contentar em vê-lo jogar à bola. E que bem que esteve ontem a levar a equipa para a frente!

Éder Luís: eheheh, 'ganda maluco!

Cardozo: na primeira parte jogou com duas pernas, mas coxo por culpa de Éder Luís. Após o intervalo, já com Aimar em campo, estava portanto a jogar com três pernas. Lesionou-se numa delas e com a outra fez o golo da praxe.

Aimar: não sei o que hei-de escrever. A sério, não sei. O Aimar é... é tipo... oh pá, é uma espécie de... coiso. Eu avisei que não sabia o que havia de escrever, porra!

Kardec: eu podia dizer que no pouco tempo que esteve em campo jogou o triplo do Éder Luís. Mas isso seria estúpido, porque 3x0=0.

Airton: a cara dos pobres anõezinhos quando viram entrar mais uma torre... Lá na escolinha de Alcochete não há disto, não é? Ai, nós temos uma escolinha muito boa! Ai, nós damos leitinho e bolachinhas aos nossos meninos todos. Oh pá, vocês são ridículos! Bebam uma vinhaça, comam uns couratos! Acordem p'rá vida, caraças! Façam-se homens!

Profético

(foto retirada do Record)

Ele avisou...

Foguetes

terça-feira, 13 de Abril de 2010


Benfiquistas, já falta pouco para o 32º...

CARREEEEEGA!!!

Lançar os foguetes na altura certa

Com ou sem Saviola, com ou sem Weldon, o importante logo é que os jogadores entrem com a cabeça no sítio e com respeito pelo adversário, ao contrário de muitos adeptos que só pensam por quantos vai o Benfica ganhar, que o zbordin vai ser humilhado e outras coisas do género.

Euforia desmedida não é nada aconselhável nesta fase crucial da época. Festejar sim, mas só depois de o jogo estar ganho.

Carreeeega, Benfica!

Estado laico? 'Tá bem, 'tá...

As câmaras de Lisboa, Porto e Gaia decidiram dar tolerância de ponto aos seus funcionários nos dias em que o Papa Bento XVI estiver nos respectivos concelhos. in Rádio Renascença

A Igreja pediu, os políticos obedecem. E que bela medida para se adoptar em tempo de crise, quando o país devia era estar preocupado em produzir riqueza.

Mas há algo que me deixa ainda mais indignado... Então e em todos os dias que houve jogos da Liga Europa na Luz, e hoje contra o zbordin não há tolerância de ponto? E na segunda-feira da semana passada a boa gente da Figueira da Foz teve que trabalhar o dia todo por que carga de água?

Eu nunca andei na catequese, mas do pouco que sei o Papa não é mais importante do que Jesus...

Juve Leo: ilegalmente legais

Diz o subintendente Costa Ramos, a propósito do jogo de hoje:

São esperados na Luz cerca de 3 mil adeptos da Juve Leo, quando o registo indica apenas a existência de 300.

Face a esta desmedida disparidade de números, que o baixo QI dos elementos da Juve Leo que tratam da papelada não pode explicar na totalidade, continuo sem perceber o porquê de tanto burburinho em relação à irregularidade das claques do Benfica, como se todas as claques dos outros clubes vivessem pacatamente sob a sombra da lei. Será preferível não estar legalizado ou estar legalizado mas com números falsos?

Este tema da legalização das claques é mais uma prova de que vale tudo para colocar o bom nome do Benfica em xeque. Se querem falar de claques, falem de todas. Não podem ser só as do Benfica a passar por más da fita. É ridículo e velhaco.

Dupla grega

Parabéns ao Karagounis e ao Katsouranis que se sagraram campeões gregos no Domingo passado. Dois jogadores de grande classe que, com muita pena minha, não conseguiram ser campeões pelo Benfica...

Impregnação encarnada

segunda-feira, 12 de Abril de 2010



Nota-se perfeitamente que a Vanessa está bastante desfasada da realidade, e assim torna-se um bocadinho parvo ouvi-la.

Alguém quer fazer o favor de a impregnar de benfiquismo?

O poder do túnel da Luz

Escreve o Reco-reco sobre Ugh!: Túnel da Luz criou jogador diferente e... melhor.

Para quem não sabe, o Hulk dos comics passa a ser o poderoso alter-ego de Bruce Banner após este ser bombardeado por raios gama. Por isso, quando na época passada se falou que vinha um Hulk para o futebol português eu tremi de medo, pois perspectivava que o foculporto iria passar a contar com uma força destrutiva que ninguém conseguiria parar.

No entanto, bastaram alguns jogos para perceber que não estávamos na presença de um Hulk, mas sim de Ugh!, uma criatura que foi bombardeada por qualquer coisa que lhe afectou gravemente os neurónios e o deixou com uma capacidade cerebral semelhante à de uma galinha poedeira. A tal força destrutiva que eu tanto temi acabou mesmo por confirmar-se, mas para a própria equipa.

O que parecia um caso sem resolução possível, alterou-se depois dos célebres acontecimentos do túnel da Luz. Como anuncia o Reco-reco, e bem, o túnel da Luz é o grande responsável pela mudança de Ugh!. E porquê? A resposta é simples... Como Ugh! foi o jogador adversário que até agora esteve mais minutos no túnel, teve tempo para ser bombardeado com partículas de suor de Saviola, Ramires e Cardozo, células epiteliais de David Luiz, após este ter cumprimentado Ugh!, uma pestana de Rui Costa e ainda uma molécula de uma pastilha elástica mascada por Jesus, que se soltou da boca deste após fazer um balão.

É óbvio que face a estas circunstâncias até eu me tornava um jogador minimamente decente. E queixam-se eles do túnel da Luz...

Resultado da sondagem nº 13

À pergunta "Quem será o próximo campeão nacional?", os leitores do Céu Encarnado responderam:

- O Benfica 59%

- O Glorioso 24%

- O Enorme 17%


Isto mostra que os benfiquistas acreditam maioritariamente na vitória final do Benfica, mas que também há quem aposte que o campeão possa ser o Glorioso ou mesmo o Enorme.

Sinceramente, entre estes três, para mim tanto faz...

Camisas Vermelhas

domingo, 11 de Abril de 2010


(foto Julian Abram Wainwright/EPA)


Confesso que sempre tive algum apreço pela luta dos Camisas Vermelhas tailandeses, mais não seja porque do outro lado estão os Camisas Amarelas, um grupo com influências fascistas que conta com o apoio do exército e da família real da Tailândia.

E a minha simpatia aumentou bastante depois desta foto...

1-0

Grande vitória da equipa de voleibol do Benfica em Espinho, no primeiro jogo dos playoffs. Espero que o pavilhão da Luz encha no segundo jogo, porque esta equipa bem o merece!


P.S.
É inacreditável como até nesta modalidade os comentadores da OliveirinhaTv revelam um anti-benfiquismo nojento. Neste caso foi uma comentadora, que estava excitadíssima à entrada para o último e decisivo set. Curiosamente, a entrada de rompante do Benfica fê-la perder o pio até ao final do jogo....

Golo do título

Marcado pelo nosso Urreta, pois claro.

Na próxima época Jorge Jesus tem aqui um diamante para acabar de lapidar.

Nova contratação já rende

O Carlão fez ontem a sua primeira grande exibição... mas ao serviço da filial corrupta de Braga.

Nem um rapaz qualquer dos distritais conseguiria (não) produzir o mesmo que o Carlão. Houve lances em que a forma como ele não dominou a bola foi de um descaramento patético. Uma vergonha!

Real ou Barça?

sábado, 10 de Abril de 2010

Leiria!

Capitão Luisão

Se há alguém que não merece falhar, por lesão, o próximo jogo contra o zbordin, esse alguém é o Luisão. Depois do enorme sacrifício que fez, em prol da equipa, ao disputar os 90 minutos em Anfield, só posso desejar que esteja apto para terça-feira. Seria uma crueldade para ele ficar de fora desse jogo.

Até porque o Luisão há muito que deixou de ser apenas um dos centrais do Benfica. Mais do que isso, ele é o grande capitão.

Isto é Benfica!

sexta-feira, 9 de Abril de 2010



Choque

Para quem não sabe, faleceu no passado dia 7 um blogger benfiquista, o Hugo do Benfica De Muitos Um.

Que descanse em paz.

Björn Kuipers



Antes mesmo do apito inicial, pareceu-me reconhecer esta fronha de algum lado.

Logo aos três minutos, o senhor árbitro assinala uma falta a favor do Benfica quando o Carlos Martins ia ficar na cara do Reina. Erro grosseiro. Até uma criança de cinco anos sabe o que é a "lei da vantagem".

Passados quatro minutos, o Sidnei faz uma falta, a sua primeira, perfeitamente normal sobre o Torres e o senhor árbitro, esbaforido, atravessa meio relvado a correr para lhe dar uma valente reprimenda. Quem não tivesse visto o lance pensaria que o Sidnei tinha morto alguém.

E nem sequer me vou dar ao trabalho de falar sobre o golo do Kuyt, ou de outros lances, porque logo aos sete minutos deu para ver perfeitamente o que nos esperava.

Um Benfica em boa condição física conseguiu dar a volta ao jogo do Vélodrome, mesmo com uma arbitragem asquerosa, como se devem recordar.
Seria pedir demasiado que um Benfica fisicamente de rastos repetisse a graça em Anfield, com outra arbitragem igualmente asquerosa.

Hoje, como continuava convencido de que conhecia aquela fronha de algum lugar, resolvi pesquisar... Pois bem, este árbitro é o mesmo do jogo da época passada contra o Nápoles. Nesse jogo houve um penálti claro sobre o Suazo que não foi assinalado e, além disso, os italianos passaram o jogo inteiro a abusar de entradas violentíssimas sobre os nossos jogadores (uma delas arrumou com o o Suazo por uns tempos) e viram apenas um cartão amarelo durante todos os 90 minutos.

Quero realçar ainda isto que o JNF escreve no Eterno Benfica:

Afinal de contas, o árbitro veio do país que está em luta directa com Portugal pelos lugares uefeiros, um país que tem mantido uma rivalidade acesa com Portugal mesmo a nível da FIFA, com aqueles oitavos-de-final do Mundial 2006 a ficarem na memória, o jogador expulso polemicamente na primeira mão era holandês, enfim, motivos que me deixaram incomodado, mas que se verificaram suficientes para apoquentar qualquer benfiquista.


P.S. É por demais evidente que a Uefa usa estes árbitros mais ou menos desconhecidos para se assegurar de que as equipas que rendem milhões em transmissões televisivas não ficam de fora das competições. Para quem julga que são tudo infelizes coincidências, recomendo ver um resumo do Estugarda-Barcelona desta época, nos oitavos-de-final da Champions, e apreciar o autêntico show de apito que este senhor deu. Só na primeira parte foram dois penáltis nítidos perdoados ao Barcelona. Sim, foi o mesmo árbitro de ontem...

Algo de realmente importante

As melhoras, Júlio! Que isso tenha sido só um grande susto, é o que eu desejo.

Desde aquela trágica noite em Guimarães começo logo com calafrios quando vejo um jogador do Benfica a sentir-se mal...

Queria só dizer uma coisinha

quinta-feira, 8 de Abril de 2010

Foda-se!

Parece que acabei de levar uma entrada da Besta Alves...

Apoiar é preciso

O jogo foi mau. Culpado? Principalmente o cansaço... Jesus devia saber o que estava a dizer na antevisão do jogo. Confesso que julguei que ele estava a fazer bluff... Mas não... Os jogadores não tinham pernas para este jogo. Os ingleses estão habituados a dois jogos por semana. Nós não...

Agora será fácil criticar algumas escolhas para o 11 do Benfica. Se Jesus assim escolheu, foi porque achou que era o melhor para a equipa.

Meus amigos benfiquistas, temos de ser os primeiros a não desanimar. Temos de encher a Luz contra os lagartos e puxar a equipa em mais um passo a caminho do sonho.

Força BENFICA!

Mítico



O que eu gritei, esbracejei, chorei e festejei neste jogo...

Não me importava que hoje o resultado e as emoções fossem iguais.

Impaciência

(foto retirada daqui)

A águia aguarda, tal como eu, impaciente, pelas 20h05m.

Beeeenfiiiiiicaaaaaaa!

Hoje infelizmente não vou estar fisicamente em Anfield Road. Digo fisicamente porque logo, quando me sentar no sofá para ver o jogo, vou estar com o meu cachecol como se lá estivesse, vou sofrer como se lá estivesse e vou cantar como se lá estivesse. Vou fechar os olhos quando for canto contra o Benfica (porque acredito que quando o faço a outra equipa não marca), vou bater palmas e incentivar os jogadores, vou gritar Goooooloooooooo, sair de casa e abraçar-me ao vizinho 5º andar, que quando o Benfica marca abre a porta e grita comigo. E no final, vou gritar e pular de alegria porque o nosso Benfica vai sair ainda mais Glorioso deste jogo.

Epístola matinal

Vamos fazer um belíssimo jogo, como fizemos em Marselha.

Palavra de Jesus.

Ámen.

Tronco lateral

quarta-feira, 7 de Abril de 2010

Chegaram vários zunzuns de Inglaterra a dar conta da forte possibilidade de Carragher jogar a defesa esquerdo.

Melhor do que um tronco com dois pés a jogar no eixo da defesa de uma equipa adversária do Benfica, é se esse mesmo tronco for desviado para uma ala.

Há merda nos patins

Por norma, abstenho-me de me pronunciar aqui no blog sobre assuntos relacionados com o hóquei em patins, porque não gosto muito de falar sobre coisas mortas. Sim, é precisamente assim que caracterizo este desporto, que já foi em tempos o segundo preferido dos portugueses mas que anos e anos de uma corrupção sem comparação possível com o que vemos no futebol levaram ao seu definhamento. O descrédito é de tal ordem, que nem as televisões mostram interesse.

Sejamos claros: há muito tempo que o campeonato nacional de hóquei serve única e exclusivamente para o foculporto acumular títulos. Se no futebol ainda tentam fazer a coisa com o mínimo de discrição, no hóquei não há qualquer pudor. E assim se explica vermos alguns árbitros que são familiares e/ou funcionários de empresas de dirigentes do foculporto. Além disso, é bom não esquecer que foi nesta modalidade que o criminoso se estreou no dirigismo...

Face a tudo isto, pouco me espantei com esta notícia de hoje:

...o Benfica foi castigado pelo Conselho Jurisdicional da Federação de Patinagem de Portugal com a perda de três pontos pela utilização indevida de Caio no encontro frente ao Juventude de Viana no passado dia 18 de Outubro, no Pavilhão da Luz.

Com a agravante de ter acontecido isto:

Caio, segundo entendeu o Benfica, cumprira o castigo num jogo de um torneio da Associação de Patinagem de Lisboa e no encontro da primeira jornada do campeonato, frente ao Paço de Arcos. E isto porque antes do encontro da segunda jornada, e para dissipar dúvidas, os dirigentes do Benfica pediram um parecer à federação, que, sabe O JOGO, teve resposta através do Conselho de Disciplina, garantindo que o castigo era dado como cumprido.

Repito: não fiquei minimamente surpreso com este desenlace. Mas gostava de saber durante quanto tempo mais vai o Benfica aceitar ser o palhaço de serviço desta competição? Compreendo que o hóquei seja uma modalidade antiga e com muita tradição dentro do clube, mas não é sendo o "bobo da corte" que se honra o passado. Não sei do que é que a direcção do Benfica está à espera para, à semelhança do que fez com o basquetebol e com os resultados que estão à vista, dar um murro na mesa e dizer basta. Enquanto não limparem as toneladas de merda que pululam no hóquei o Benfica não deveria conspurcar o manto sagrado nessa modalidade. Qualquer dia a merda é tanta que as rodas dos patins nem andam.

Related Posts with Thumbnails
 
Céu Encarnado - by Templates para novo blogger
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.